XXXII Colóquio da Lusofonia SANTA CRUZ DA GRACIOSA 2-6 outº 2019

A Lusofonia é uma capela sistina inacabada; é comer vatapá e goiabada, um pastel de bacalhau ou cachupa, regados com a timorense tuaka

ao ritmo do samba ou marrabenta; voltar a Goa com Paulo Varela Gomes, andar descalço no Bilene com as Vozes anoitecidas de Mia Couto,

rever os musseques da Luuanda com Luandino Vieira, curtir a morabeza cabo-verdiana ao som De boca a barlavento de Corsino Fontes,

ouvir patuá no Teatro D. Pedro IV na obra de Henrique de Senna-Fernandes, e na poesia de  Camilo Pessanha; saborear a bebinca timorense

em plena Areia Branca ao som das palavras de  Francisco  Borja da Costa e Fernando Sylvan, atravessar a açoriana Atlântida com mil e

um autores telúricos, reencontrar em Salvador da Bahia a ginga africana, os sabores do mufete de especiarias da Amazónia,

aprender candomblé e venerar Iemanjá, visitar  as igrejas e casas coloridas de Ouro Preto, Olinda, Mariana, Paraty, Diamantina,

e sentir algo que não se explica em Malaca, nos burghers do Sri Lanka, em Korlai ou no bairro dos Tugus em Jacarta.

É esta a nossa lusofonia (Chrys Chrystello abril 2019)

 

ficha de inscrição pdf                 docx                htm

SESSÕES 20 MINUTOS POR ORADOR -

 além das palestras convencionais há mesas redondas em que cada autor utilizará o tempo como entender:

apresentação convencional, falar de si e sua obra, ou interagir com a audiência.      

 visitante hit counter     próxima página    

homenageado EDUÍNO DE JESUS

CONVIDADOS DE HONRA

TEOLINDA GERSÃO, JOSÉ LUÍS PEIXOTO, JOEL NETO, FÉLIX RODRIGUES, RAMOS-HORTA

Image result for joel neto  

Convidados ESPECIAIS (Artes)

 Piki Pereira e Mintó Deus (Música de Timor) +  Joana Carvalho uma fabulástica voz de Belmonte

 

 

 

visitante hit counter  página seguinte